sábado, 27 de setembro de 2014

EMOÇÕES














Aonde vais de novo pensamento?
Nesse apressado sentir, de pulsações;
Porque levas para longe este momento
Deste corpo, todo ele de emoções.

Eu sei do teu temperamento;
Da teimosia, ousada por razões;
Voa de novo. Vai! Não percas tempo;
Traz-me a verdade que houver nos corações.

Traz-me o sentir e o saber, contentamento!
Que floresça de verdades e ilusões:
Vai! Não páres pensamento,
Traz-me o melhor dos povos,
E das Nações.

Não te percas na mentira ou fingimento;
Nem nos males que criam frutrações!
Vai! Não percas tempo.
Traz-me o saber, mais conhecimento
Para o dar às novas gerações.
                                 
José Faria    

Sem comentários:

Enviar um comentário