EM SÃO MIGUEL O ANJO

quarta-feira, 19 de junho de 2019

FIM DO DIA


        
        

É chegada a noite, o fim do dia.

Já nem ouço os carros na garagem,

Nem a máquina de lavar em correria;

A trautear no fim doutra lavagem.



Só o silêncio escurecendo na vidraça,

Embalando a noite que chegando;

Me recorda a vivência e sua graça,

Deste dia que se esconde dormitando.



Cheira a terra molhada e remexida,

Recetiva a tanta novidade.

Despontam sementes nova vida

São sustento de toda a humanidade.

José Faria

Sem comentários:

Enviar um comentário