domingo, 21 de janeiro de 2018

ESTREIA POÉTICA NA GALERIA VIEIRA PORTUENSE




No dia 20 de Janeiro de 2018, pelas 16 horas, fiz a minha estreia poética na Galeria Vieira Portuense, na cidade do Porto e como apresentação e primeira poesia, declamei o soneto da minha autoria, (como é normalmente toda a poesia que publico e declamo), com o título: 









A MINHA CIDADE
O Porto é a cidade,
Onde nasci e me criei;
E dela tudo o que sei,
Aprendi-o nio andar.

E se aqui desejo estar,
Onde primeiros passos dei;
Razão há por que fiquei;
Contributo à terra dar.

Ser portuense me contento,
Na obra do bem estar 
E em me dar é meu intento.

Tenho sempre para dar,
Ao bem estar, contentamento;
Sou raiz presa no tempo.
José Faria

Sem comentários:

Enviar um comentário